A Pesquisa da Vez: Brasília – EXCLUSIVO

Detalhamento da pesquisa

Localidade: Distrito Federal

Instituto: GPP

Amostra: 800 entrevistas, entre 11 e 12 de outubro de 2014

Margem de erro: 3,5%

Passadas as eleições, vamos ao que realmente interessa… futebol! De carona com o sem número de pesquisas eleitorais destas últimas semanas, o Blog Teoria dos Jogos apresenta aquilo que, em economia, se denomina “externalidade positiva”: a inédita e tão aguardada configuração de torcidas de Brasília!

Antes, um importante esclarecimento. O Blog Teoria dos Jogos, ainda em seus tempos de Globoesporte.com, chegou a publicar pesquisa parcialmente elaborada pelo Codeplan-DF – um órgão público que vem mapeando o Distrito Federal desde 2013. Alguns especialistas criticavam aquele mapeamento alegando excesso de não-consumidores de futebol como respondentes (majoritariamente, donas de casa). De fato, o número de “sem times” na casa de 40% não corresponde à realidade das grandes capitais brasileiras – mesmo as sem clubes de relevância. Em linha com o exposto, a pesquisa do Instituto GPP traz à tona números relativamente diferentes.

Fig 01

Sem surpresas: Brasília é do Mengão. Nada menos que 35% da capital veste rubro-negro, justificando o grande retorno auferido pelo marketing do clube na cidade. O senso comum também é confirmado através da segunda posição do Vasco (8%), embora a distância para as demais torcidas seja menor do que se convenciona. Da terceira à quinta posição, uma briga de foice. Com base na margem de erro, fica difícil dizer quem é maior entre São Paulo (6,1%), Corinthians (5,9%) e Botafogo (5,5%). Palmeiras (3,4%), Fluminense (2,9%), Cruzeiro (2,6%) e Santos (1,7%) completam os que superam 1% das preferências candangas. O Atlético (0,9%) quase chega lá.

Por gênero e faixa etária:

Fig 02

A torcida do Vasco é a que possui maior discrepância entre homens (10,5%) e mulheres (5,8%). Todos os demais apresentam maioria masculina em seus quadros, menos Flamengo e Cruzeiro. Por idade, a perpetuação rubro-negra está garantida. O clube sobe de 33,4% entre os mais velhos (acima de 60) para 41,1% entre 16 e 24 anos, o maior crescimento absoluto. Proporcionalmente, São Paulo e Corinthians vão bem. O Tricolor Paulista, dono de 10% dos corações mais jovens, confirma a impressão deste blogueiro nos tempos em que trabalhava em Brasília – ser são paulino parecia pré-requisito entre os estagiários. O Corinthians sobe a 6,6% e ambos ultrapassam um Vasco em queda livre (4,8%). A propósito, uma surpresa é o Cruzeiro à frente do Cruzmaltino entre jovens (5,5%). O Santos apresenta viés de alta, enquanto Palmeiras, Botafogo e Fluminense – principalmente o último – decrescem com o passar do tempo.

Por nível de instrução e renda:

Fig 03

Fig 04

As únicas torcidas que apresentam concentração relevante em nível superior são as de Fluminense (4,6%) e Cruzeiro (3,8%). Praticamente todas as demais possuem distribuição equânime ou com maioria em níveis intermediários de educação.

Já em termos econômicos, Brasília é quase única: por ser a unidade federativa com maior renda per capita, é possível tabular mesmo em faixas muito ricas, com o recorte ultrapassando 20 salários mínimos (R$ 14.480,00). Acima deste nível, Flamengo, Vasco e São Paulo não mudam quando comparados aos números absolutos; Corinthians e Botafogo caem, enquanto Cruzeiro e Fluminense crescem. Entre os mais pobres, Flamengo e Vasco se destacam, com o Santos também acima de sua média.

Um grande abraço e saudações!

E-mail da coluna: teoriadosjogos@globo.com

Siga @vpaiva_btj

Curtam o blog Teoria dos Jogos no Facebook!

8 comentários sobre “A Pesquisa da Vez: Brasília – EXCLUSIVO

  1. pesquisa pouco consistente, o fluminense tem torcida quase do tamanho do botafogo, a do cruzeiro é muito menor e nesta pesquisa está próxima da do flu. sou brasiliense e conheço bem a realidade por aqui. a do palmeiras está um pouco inflada também. a do fla, vasco e sp creio serem um pouco maiores que o resultado.

  2. Essa pesquisa reflete e muito a realidade. Sou São Paulino e uma vez já conversamos pelo twitter, vou todo ano a Brasilia e Goiás e posso te afirmar sem sombra de dúvidas, vejo muito mais pessoas principalmente dos 40 anos pra baixo com a camiseta do SPFC do que com a do Vasco nas ruas, seguindo a tendência da pesquisa, se a torcida do SP já não for maior que a do Vasco, “tenho minhas dúvidas” pelo que sempre presencio, daqui à uns 15, 20 anos, a torcida do Tricolor Plta ocupará a segunda colocação sem esforço, uma vez que muitos jovens torcem pelo Tricolor por todo o Brasil…..

  3. Bela pesquisa e surpreendente os números do Santos com 1,7%, apesar da margem de erro de 3,5%, mas que está acima da média do próprio clube em pesquisas anteriores e nessa pesquisa realizada pela codeplan que já terminou as 31 regiões do Distrito Federal onde o Santos colheu 0,8% segundo um cálculo que fiz. De resto a supremacia do Flamengo era esperada, mas o São Paulo na frente do Corinthians é uma realidade que vejo até em alguns bairros da cidade de São Paulo. Belo trabalho da GPP e esperamos outras regiões mapeadas por este instituto como Sergipe, Alagoas e cidades como Campinas, ABC Paulista entre outros ainda não mapeados e inéditos do conhecimento do torcedor em geral. Reparei também que o Santos atinge 3,3% entre os mais novos e denunciam uma projeção dos viuvos de Neymar!

  4. engraçado essa pesquisa, tão se aproveitando da situação do vasco pra manipular o tamanho da torcida do vasco, dizer quer o vasco so´ tem oito por cento da torcida de brasilia é uma piada ou uma brincadeira de mal-gosto meu amigo eu tenho revista placar de 1999 em que o vasco tem 16 por cento da torcida de brasilia, sendo assim de maneira só morrem vascainos engraçado né.

  5. Os leitores são uma peça engraçada. O sujeito registra que não é possível dizer quem lidera, entre São Paulo, Corinthians e Botafogo, e já tem sujeito dizendo que a torcida do SPFW vai se tornar a segunda do país. Calma, meus caros; antes disso, terão de impedir a queda livre que estão tendo, conforme foi diagnosticado em pesquisas como a do Ibope, a do Datafolha e a da Pluri Consultoria.

  6. Olá Vinicius Paiva..Acompanho seu trabalho desde quando seu blog era do GE…Dá para adiantar qual sera os proximos estados que serão divulgados aqui???Abraços

Deixe uma resposta para Marcelo Cancelar resposta