EXCLUSIVO: a operação do Fla x Flu no Pacaembu

Fig 01
Clique para ampliar

Tida e havida como habitué na arte de recepcionar grandes eventos, São Paulo vai vivenciar, no próximo domingo, um episódio raro. Pela segunda vez em 114 anos de futebol na capital* (desde o início do Paulista) – a cidade receberá o Fla x Flu, um dos maiores clássicos do Brasil e do mundo, além de orgulho do vizinho e “concorrente” Rio de Janeiro.

*A primeira foi em 1942, terminando em 0 a 0, em jogo válido pelo torneio Quinela de Ouro

A notícia foi confirmada na última sexta-feira, desde que arrefeceram as tensões envolvendo a dupla e a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro. Assim, a capital paulista entrou para o rol de cidades que vem recepcionando clássicos cariocas – ao lado de Volta Redonda, Cariacica e Brasília – já que tanto Maracanã quanto Engenhão se encontram entregues ao Comitê Olímpico Internacional.

Muito se falou a respeito da operação deste clássico, com especulações acerca da venda do mando de campo e do pagamento de cotas fixas para os envolvidos. Não será assim. Flamengo e Fluminense vão operar a partida normalmente, compartilhando lucros na exata medida da venda de ingressos. Por parte das diretorias, a expectativa é a melhor possível: algo em torno de 35 mil pagantes, conforme nos confidenciou Bruno Spindel, diretor de marketing do Flamengo. A carga máxima será pouco superior a 37 mil ingressos.

Se depender dos preços, as torcidas não serão afugentadas. Sem intermediários, não houve necessidade de majorações irrealistas, como no último jogo do rubro-negro em Brasília. Assim, os valores estarão alinhados aos que ocorriam nas operações mais recentes do Pacaembu. Preços até um pouco inferiores aos verificados em muitas arenas:

Tobogã (Fluminense): R$ 50 (meia entrada a R$ 25)

Setores verde e amarelo (Flamengo): R$ 50 (meia entrada a R$ 25) – Se esgotados, abrem os portões 21 e 22;

Setor laranja (misto): R$ 60 (meia entrada a R$ 30)

Setor manga (misto): R$ 80 (meia entrada a R$ 40)

Setor azul numerado (misto): R$ 100 (meia entrada a R$ 50)

Eis aí principal novidade: um Pacaembu majoritariamente misto, tendo apenas os setores atrás dos gols como específicos a rubro-negros e tricolores. Trata-se de uma enorme transgressão à cultura de se espremer visitantes em “chiqueirinhos” nos clássicos. Diferente do Rio, em que um Maracanã misto (ainda que dominado por esta ou aquela torcida) já faz parte das tradições da cidade.

Vote no Blog Teoria dos Jogos no prêmio Top Blog 2016!

A este “toque carioca” em pleno solo paulistano, outras questões interessantes serão avaliadas – como o percentual de meias entradas que será vendido. No Rio, estes ingressos constituem ampla maioria das vendas, numa processo de conivência quanto ao usufruto de direitos previstos em lei. Em São Paulo, as coisas costumam ser diferentes.

Cabe, portanto, aguardar pela confirmação ou frustração de expectativas. Na opinião do Blog Teoria dos Jogos, um Pacaembu à meia capacidade já seria uma surpresa positiva, dados os 2,5% de flamenguistas e menos de 0,5% de tricolores residentes em São Paulo. Mas o efeito-novidade jogaria a favor, atraindo muitos curiosos. Aliado a isto, a vinda de torcedores de todo o estado de São Paulo poderia até mesmo duplicar a demanda potencial. Por fim, teremos uma movimentada ponte aérea e inúmeros torcedores vindos do Rio e outros estados por vias rodoviárias.

Tende a ser um domingo animadíssimo.

Um grande abraço e saudações!

E-mail da coluna: teoriadosjogos@globo.com

Siga @vpaiva_btj

Curtam o blog Teoria dos Jogos no Facebook!

6 comentários sobre “EXCLUSIVO: a operação do Fla x Flu no Pacaembu

    1. Também será uma surpresa pra mim. Ainda mais por ser jogo do desprestigiado campeonato carioca. Talvez se fosse pelo BR, poderíamos vislumbrar tal público. De qualquer modo, vc deve estar ciente de que seremos ampla maioria né? Por exemplo, em caso de 20 mil, no mínimo 15 mil serão rubro-negros. rs

      1. Não tenho dúvidas disto Eduardo, não sou aquele típico torcedor fanático que procura negar o óbvio, sei que a torcida do Flamengo é infinitamente superior a do Fluminense, e digo mais, acho que a proporção de torcedor rubro-negro será ainda maior do que esta que você citou. Abraços e Saudações Tricolores!

      1. Claro que não, seria partilhar da mesma opinião, sem que uma interferisse na outra. Aliás, muitos comentaristas comungam da mesma opinião nossa. Até agora venderam 10 mil ingressos, mas nós sabemos que o impulso inicial é mais forte e a tendência é a procura diminuir. Como eu disse, meu caro Favela, torço realmente para estar errado e que a venda supere de longe a minha expectativa de 20 mil pagantes. Um Abraço e Saudações Tricolores!

Deixe uma resposta