Todas as audiências do futebol 2015 (RJ e SP)

Header-188BET-728-x-90-Brasileirão1

Na semana passada, dissemos que existem três elementos primordiais no tocante à exposição de cada clube – e ao valor que auferem da TV: o total de transmissões, a audiência proporcionada por elas e o alcance das partidas, medido pelo número de praças para as quais são veiculadas. Este último foi cerne de uma análise exclusiva do Blog Teoria dos Jogos, conforme se verifica no link acima. Agora, focamos os dois primeiros elementos.

Com base em números divulgados pela assessoria de imprensa da TV Globo (sempre expostos no nosso Twitter), trazemos agora uma tabela completa com a audiência dos times do Rio e de São Paulo, em conjunto com esclarecedores resumos por dia da semana, perfil das partidas e campeonato. Trata-se de um levantamento inédito, baseado em informações valiosas e guardadas a sete chaves por clubes e anunciantes.

FLAMENGO

Fig 01
Clique para ampliar

Fig 02

Números relativos às transmissões da TV Globo para o Rio de Janeiro. Em negrito, clássicos veiculados para a própria praça. Em vermelho, shares calculados com base em proporção. Jogos aos sábados foram expostos individualmente mas não aglutinados.

Embora exista a convenção de que o Flamengo tem um número muito maior de televisionamentos entre os cariocas, a verdade é que pelo menos a comparação com o Vasco denota relativo equilíbrio. Em 2015 o Rubro-Negro monopolizou 20 transmissões de um total de 52 (38%) frente a 16 transmissões vascaínas (30%). Botafogo (nove partidas, 17%) e Fluminense (sete partidas, 13%) surgem bem atrás.

O Flamengo é líder absoluto em audiências mesmo na própria comparação com São Paulo (o que será exposto adiante). Em pontos, supera seus rivais na maioria dos recortes, seja por dia, apelo ou competição. No tocante ao share, vence em absolutamente todas as óticas – nem o Corinthians se aproxima. É também o principal foco de audiências da TV Globo, detentora dos direitos de televisionamento.

Em benefício ao clube, o fato da TV colocá-lo às quartas num nível destoante: foram simplesmente 13 jogos contra seis aos domingos. Isto infla suas audiências pois é exatamente às quartas que se verificam os melhores números . Em compensação, veiculam-se muito poucos clássicos do time (partidas com apelo bem maior): apenas três em 2015. É exatamente aí que a maior torcida do Brasil se destaca. Sua audiência nas 17 partidas “normais” (não-clássicos) atinge a extraordinária média de 23,7 pontos e 44% de participação. Em jogos de pouco apelo, o Flamengo cumpre papel de verdadeira bola de segurança na TV brasileira.

VASCO

Fig 03
Clique para ampliar

Fig 04

Alguns números do Vasco acabam mascarados por ter sido o campeão dos clássicos na TV até aqui. Muito por ter decidido o Carioca, o cruzmaltino foi veiculado em seis jogos do gênero, atingindo ótimas médias de 27,5 pontos (53%) e perdendo apenas para Fla, Corinthians e São Paulo sob este ponto de vista.

O Vasco se saiu bem no Estadual pelas razões expostos no parágrafo anterior, mas a verdade é que seus números na Copa do Brasil e no Brasileirão (onde já teve outro clássico televisionado) decepcionam: média igual ou inferior a 19 pontos e 38% de share.

FLUMINENSE

Fig 05
Clique para ampliar

Fig 06

Até agora o carioca mais afastado da TV, o Flu apresenta, por larga margem, as piores audiências: médias de 18 pontos e 37%. Mas nem tudo é o que parece. O Flu vai tão mal porque foi o clube com menos clássicos na TV (só um) e com menos duelos em dia nobre (apenas uma quarta-feira). Em suma, seus números poderiam ser melhores se não atuasse em condições tão adversas. De qualquer maneira, pertence ao Fluminense a pior audiência do ano: 14 pontos totais no confronto diante do Bangu.

BOTAFOGO

Fig 07
Clique para ampliar

Fig 08

Fora o baixo número de partidas transmitidas, a situação botafoguense é perfeitamente antagônica à tricolor: tem mais jogos às quartas (três) e um alto índice de clássicos (quatro entre nove) que enviesam a análise. Os 22,6 pontos e 44% de share do Bota seriam excepcionais não fossem uma artificialidade. Em “não-clássicos” e em jogos da Copa do Brasil, o alvinegro cai para níveis próximos aos do Flu. Uma curiosidade: é com a estrela Solitária que a Band aufere seus melhores resultados no Rio: média de 2,6 pontos e 4% de share.

CORINTHIANS

Fig 09
Clique para ampliar

Fig 10

Números relativos às transmissões da TV Globo para São Paulo. Em negrito, clássicos veiculados para a própria praça. Em vermelho, shares calculados com base em proporção. Jogos aos sábados foram expostos individualmente mas não aglutinados.

Embora haja chiadeira pelo excesso de “corintianização”, o fato é que é o Corinthians quem segura as audiências na TV paulista. Eis o único clube, ao lado do Flamengo, a marcar mais de 40% de share em qualquer recorte analisado. Além disto, supera o rubro-negro em audiências às quartas (25,8 a 24,8 pontos) e na maior pontuação absoluta do ano (33 pontos, no embate frente ao São Paulo).

Mas o clube também se destaca no número de jogos televisionados. Em 22 ocasiões se assistiu ao Corinthians na TV, percentual de 39% superior a toda a concorrência. Em São Paulo, quem mais se aproxima é o Tricolor Paulista (18 jogos, 32%). Palmeiras (dez jogos, 18%) e Santos (seis jogos, 11%) fazem figuração.

SÃO PAULO

Fig 11
Clique para ampliar

Fig 12

Entre os paulistas, pertence ao Tricolor a menor proporção de clássicos sobre o número total de transmissões (cinco entre 18), o que significa números bem pouco inflados por demandas extraordinárias. Sendo assim, seus 22 pontos com 40% colocam-no em um seleto rol de audiências inferiores apernas às de Flamengo e Corinthians. Mais: sua pontuação média em clássicos (28,4 pontos) é a maior do Brasil. Em direção oposta, o clube do Morumbi proporcionou a pior audiência do ano em São Paulo: 15 pontos totais diante da Chapecoense.

PALMEIRAS

Fig 13
Clique para ampliar

Fig 14

Números irreais. Se o Palmeiras aparece na TV, 70% de chances de ser em clássicos. Em jogos normais, decepcionou na Copa do Brasil – competição onde atinge meros 18 pontos e 32%, o menor share entre as agremiações comparadas.

SANTOS

Fig 15
Clique para ampliar

Fig 16

Mesma lógica palmeirense, só que em ainda menos jogos. Curiosamente, metade das partidas televisionadas do Peixe foi contra o próprio Verdão. Outra: num interessante paralelo com o perfil de audiências do Botafogo, é o Santos quem atinge os melhores índices para Band em São Paulo (4,67 pontos).

Um grande abraço e saudações!

E-mail da coluna: teoriadosjogos@globo.com

Siga @vpaiva_btj

Curtam o Blog Teoria dos Jogos no Facebook!

17 comentários sobre “Todas as audiências do futebol 2015 (RJ e SP)

  1. Está rasa a análise em são Paulo partindo do princípio que campeonatos com apelo diferente estão recebendo o mesmo peso.

    Não da pra colocar na conta jogos de libertadores e jogos de copa do Brasil e querer analisar média de audiência….
    Da mesma forma que analisar resultado do paulista quando o time com maior média na competição praticamente só tem clássicos e fases finais…

    Juntar esses dados todos não chega em lugar nenhum, sem ponderar corretamente o peso das competições.

    Uma análise no fim do segundo semestre, levando em conta jogos do brasileirão e das oitavas de final em diante da copa do Brasil, faz mais sentido

    1. Esse Vinícius Paiva é um fanfarrão mesmo, quer fazer ranking de audiência na metade do ano, após o Campeonato Paulista e a Libertadores terminar, é brincadeira né. Lembrando que a maior audiência de jogos da TV Brasileira foi no dia 02/dezembro na final da Copa do Brasil. Adivinha quem? Palmeiras x Santos !!! Explica isso Vinícius.

  2. Desculpa, mas analisar os números do futebol paulista, colocando Santos e Palmeiras como números irreais, me parece uma analise mto parcial

    Não se pode comparar uma competição de grande apelo(libertadores) com outra de mto menos apelo(copa do brasil)

    Sob essa ótica, se notaria q a diferença real seria consideravelmente menor, porém fica difícil, qdo temos em questão uma emissora q beneficia dois times, dando a eles sempre os melhores horários, fora as transmissões de jogos medíocres…

    Se pegarmos a análise de uma forma menos subjetiva e mais imparcial e compararmos as audiência de jogos de nível de interesse relevante(envolvendo um grande e outro ou pequeno, ou de alcance estadual/regional), veremos q apenas um jogo destoa disso: o XV de piracicaba x Corinthians, q marcou 22 pontos

    Fora esses, Goiás, Joinville, capivariano, etc, deram médias abaixo de 20 pontos, casando com as médias citadas dos jogos do Palmeiras, casos q também se aplicam a São Paulo e Santos

    Mas é aquilo de sempre, cada um vê os números da forma q convém e coloca a coisa de forma a dar razão a essa porcaria q virou ver jogo na tv aberta. Esse fim de semana mesmo teremos mais um espetáculo lamentável de falta de bom futebol(Coritiba x Corinthians), q dará audiência medíocre, como foram nos casos citados, mas q terá gente ainda enaltecendo, tal qual vi aqui

    Lamentável…

  3. Ótimo trabalho !

    Seria legal se tivéssemos informações de audiências nas parabólicas.

    Cristiano César Ferreira, de São José dos Campos.

  4. O trabalho foi excepcional e parabenizo a competência do escritor com suas análises inéditas sobre os números do futebol.
    Como foi dito antes, no que tange as análises das audiências dos clubes paulistas, Santos e Palmeiras disputando Copa Brasil em suas fase inicial e Corinthians/São Paulo na Libertadores enviesa a audiência deles, já que o peso e o apelo da libertadores em comparação com a Copa Do Brasil é gigante. Resumindo e comparando competições e adversários de mesmo apelo fico com a opinião que Corinthians tem 20% mais audiência que o São Paulo FC e 30% em relação ao Santos e o Palmeiras.

  5. confusa demais a sua analise amigo

    parece que quer defender de qualquer jeito a preferencia da globo por curitnia e flajuto.

    usando são paulo como exemplo: os pesos de libertadores e paulista sao muito mas muito diferentes(isto tem que ser levado em conta)

    Pegando o Corithiuans como exemplo: Contra Ituano, Capivariano, Ponte e Bragantino media de 15.2. Sendo que o Sao Paulo tambem conseguem essa media.

    E o pior é que Palmeiras e Santos não tiveram jogos contra pequenos transmistidos para a capital.

  6. Um ponto interessante é que a Globo tem 80% de seu lucro total vindo do estado de sp . Os clubes paulistas deveriam se unir ao negociar direitos de tv, pois o mercado publicitario considera a audiencia de sp como base. Não que a audiencia do PNT (media nacional) seja irrelevante, mas o mercado principal normalmente tem uma taxa a mais no repasse , por exemplo, na NBA os Knicks recebem mais por ser o de valor de mercado maior (Nova York).

  7. Essa historinha de audiência é pra enganar, a verdade é que a Globo recebeu uma ordem pra fazer isso…. Infelizmente a Globo é a empresa que mais deve pro governo e por conta disso obedece ordens…..

  8. As contas do Corinthians não batem, pois o share da globo 38% e share da Band 9%, isso daria um total de share 47% e não 43% como está ali na tabela

    Resumindo: O Corinthians é líder de Audiência em 2015

  9. “O Flamengo é líder absoluto em audiências mesmo na própria comparação com São Paulo (o que será exposto adiante). Em pontos, supera seus rivais na maioria dos recortes, seja por dia, apelo ou competição. No tocante ao share, vence em absolutamente todas as óticas – nem o Corinthians se aproxima.”

    Como você afirma uma sandice dessas?

    Aliás, como esse Vinícius conseguiu errar uma conta fazendo-a na planilha de excel?

    Blog piadista. E ainda quer criticar a Maquina do Esporte.

    Leio só pra rir, pq de resto só serve pra se desinformar

    Um grande abraço e saudações!

  10. A teoria é bem clubista e como a globo tenta impor. Porém está claro quem são os verdadeiros grandes com o Vasco que apesar do ano pífio está sempre com pontuação junto a Corinthaisn, Fla e SP, mesmo SP tendo muito mais população. Viva a espanhonalizacao do futebol brasileiro!

  11. Se o Santos tivesse o mesmo número de jogos televisionado do SCGP, os números seriam próximos, dada diferença apenas da torcida que, EFETIVAMENTE, é pequeno.
    Mesma coisa se aplica a São Paulo e Palmeiras, se tivessem mais jogos teriam mais audiência.
    Vale lembrar que muitos hoje promovem o boicote ao jogo na TV aberta, como é meu caso, para não dar nenhum tipo de audiência ao SCGP e seus anunciantes para ver se a emissora dona do time repensa em “espanholizar” o futebol

  12. A maior torcida do mundo faz a diferença … Flamengooo meu mengao raça amor e paixão..aos rivais fica a dica Maior torcida marca atualmente mais valiosa do Brasil maior número de camisa vendidas e não de agora maior audiência e popularidade….

    1. O corinthians e o time com maior apelo nacional comprovado todos os torcedores do brasil acompanha o corinthians seja pra torce ou seca mas a verdade e que os torcedores do corinthians acompanhar o clube, e fato corinthians a maior audiência do Brasil.

Deixe uma resposta